Projeto da AGS ajuda Mairipotaba (GO) a ampliar oferta de carne suína nas escolas

Projeto da AGS ajuda Mairipotaba (GO) a ampliar oferta de carne suína nas escolas

Município goiano passa a oferecer dois dias com a proteína por semana. Ação que leva palestra e workshop de receitas por cidades goianas foi realizada em novembro de 2022.

As mais de 300 crianças matriculadas na rede municipal de ensino de Mairipotaba, cidade no sul goiano com pouco mais de 2,3 mil habitantes, ganharam mais um dia com carne suína no cardápio escolar, após o curso de capacitação para merendeiras da Associação Goiana de Suinocultores (AGS). Até o ano passado, a Prefeitura de Mairipotaba, que possui uma escola de ensino fundamental e um centro municipal de educação infantil (CMEI), já oferecia a proteína suína na merenda dos alunos. A partir do curso da AGS, em novembro do ano passado, o município passou a ofertar a carne num segundo dia. É o que conta a secretária-executiva da AGS, Crenilda Neves. “Estamos muito felizes com essa notícia. Fizemos o curso na cidade em novembro e, com a volta da creche após a virada do ano, a prefeitura passou a fazer carne suína duas vezes na semana”, celebra Crenilda.

O curso da AGS leva um nutricionista e um chef de cozinha aos municípios goianos para capacitar as merendeiras. “Nossa nutricionista Gleiva Stacirini fica responsável por ministrar uma palestra sobre a importância da carne na alimentação das crianças e adolescentes e mostrar que a carne é saudável. Já nossos chefs ficam por conta de uma aula-show, que ensina novos cortes e receitas fáceis de replicar no dia a dia das escolas”, conta a secretária-executiva da AGS. Para realizar o projeto, a associação recebe doações de carne de filiados e frigoríficos parceiros.

Vendas
Chamado de Curso de Capacitação da Carne Suína na Merenda Escolar, o projeto da AGS já foi realizado em diversas cidades goianas em 2022, com resultados positivos. “Algumas cidades passaram a adotar a carne suína na merenda e, consequentemente, também conseguimos impulsionar as vendas da proteína na localidade”, diz Crenilda. Neste início de 2023, o curso passou pelas cidades de Faina, Padre Bernardo, Bela Vista de Goiás e Cachoeira Alta. Estas duas últimas já ofertam a proteína no cardápio escolar. Outros cinco municípios devem receber o projeto até fevereiro.

 

Compartilhe:

Postagens relacionadas

Assine agora nossa newsletter

Mantenha-se informado sobre as últimas notícias, tendências e eventos da Suinocultura!
plugins premium WordPress
Enviar uma mensagem
1
Olá 👋
Podemos ajudá-lo?